Uma emocionante e bonita despedida

A equipe Sub 19 da Sociedade Esportiva Palmeiras conquistou a medalha de bronze do Campeonato Estadual Paulista ao derrotar o time de Bauru por 81 x 58. Característica do time do coach Filé durante todo o ano, o coletivo, mais uma vez, sobressaiu e cinco jogadores pontuam com dígitos duplos. Daniel, com 16 pontos, foi cestinha do duelo. O capitão Rafael, com 10 pontos e 9 rebotes, Nicolas Ronsini, com 14 pontos e 7 rebotes, Caio Pacheco, com 10 pontos, 5 assistências e 6 rebotes e Pedro Peçanha, com 11 pontos e 6 rebotes, foram outros destaques do alviverde imponente.

O jogo, além de resultar em mais uma medalha para o Palestra, marcou também uma bonita e emocionante despedida. Cinco guerreiros se dependem, por ora, da Sociedade Esportiva Palmeiras.  Nosso carioca, gente boa, inteligente e político Guilherme Magna, Eduardo Crespo, o Dudu, de Mococa, Pedro Peçanha e os palestinos NICOLAS RONSINI E RAFAEL PAULICHI encerram o ciclo na categoria de base e a goram se tornam jogadores profissionais. Em especial esses dois últimos atletas merecem uma simples, mas bonita homenagem.

Rafael Paulichi chegou no Palmeiras no meio da temporada passada. Aos poucos foi ganhando espaço e o palmeirense de coração caiu nas graças da torcida logo em seu primeiro ano com sua garra,  vontade e entrega. Não à toa virou capitão neste ano e peça fundamental no plantel de Filé. Pelo Paulista Sub 22, Rafa anotou 14.1 pontos, já pelo Sub 19 teve médias de 12 pontos e 7,25 rebotes. Apesar dos bons números, eles, entretanto, não mostram como o atleta evoluiu durante toda temporada. Foi neste ano que nosso capitão começou a atuar como ala e virar uma potente arma no perímetro, com bolas certeiras de longa e média distância. Com 2.02 de altura ,Paulichi se sobressaiu fora do garrafão, mas quando esteve dentro, também mostrou ter repertório e realizar jogadas de post baixo. Seu clico na Sociedade Esportiva Palmeiras, por enquanto acabou, mas certamente terá sucesso em times que disputam competições com o adulto.

 

ncico e ron
Rafael à esquerda (Foto: Divulgação)
rafa e nico.jpg
 (Foto: Reprodução)

 

Nicolas Ronsini é mais um daqueles que nós temos orgulho por ter revelado e contribuído e muito para sua formação como atleta e pessoa. Nicolas chegou ao Palestra em 2013, ainda pelo Sub 15 e foi nesse ano que conseguiu um dos títulos mais impressionantes da base palestrina, ao derrotar o Esporte Clube Pinheiros na final do Metropolitano. Palmeirense de coração, Nicolas foi sempre o destaque das competições que disputou pelo alviverde. Contudo, foi em 2017  que o atleta evoluiu ainda mais. Atuando sempre como ala, Filé fez Nicolas virar um polivalente jogador. Versátil, técnico, extremamente técnico e ótimo infiltrador, o palestrino, como Rafael cresceu demais durante a temporada e se tornou também um armador, com extrema habilidade podendo atuar nas posições ”1”, ”2” e ”3”. Foi o cestinha do alviverde pelo Sub 22 com médias de 17 pontos, já pelo Sub 19, Nicolas anotou 12,41 pontos por jogo . Durante sua passagem pelo Palestra, o palestrino conquistou três medalhas de ouro pelo (Sub 15 – Metropolitano e Estadual e Sub 19) além de bronze pelo Sub 17 e pelo Campeonato Adulto Aberto (2016) e convocações para seleção paulista e brasileira. Assim como Rafa, o armador se tornou um jogador adulto e temos a certeza de que terá sucesso em nosso basquete nacional. Obrigado por tudo e pelo ano, Dudu, Magnata, Pedrão, NICOLAS, RAFAEL e ao nosso coach FILÉ.

nicooo
Nicolas ainda pelo Sub 15 (Foto:Ç Reprodução)
nico
Nicolas pelo Sub 19 (Foto: Murilo Desimone)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s