Basquete do Palmeiras modificado

Após a eliminação da equipe adulta de basquete do Palmeiras diante do São José,  no ultimo NBB, muitos acontecimentos, especulações e mudanças foram feitas. A Meltex renovou com o clube por mais 1 temporada, Betão ganhou carta branca da diretoria, alguns jogadores dispensados e outros contratados.

O armador tyago Aleo, os alas Guto, Igor e o norte americano wiggns, os alas – pivôs Tyrone e Tiagão e o pivô Marcão foram dispensados. Tyrone foi para o forte time de Mogi das Cruzes, e o capitão Tiagão jamais deveria ter saído.

Até agora, a equipe do palestra  fechou com o armador Lucas Avelinno, o Luquinhas como era carinhosamente chamado, ex Bauru, o argentino e armador Nicolas Gianella, ex Union Formosa, o ala Diego Pinheiro, ex Goiânia, o versátil ala – pivô Douglas Nunes, ex Minas e o pivô americano Toyloy, ex Pinheiros. O ala Eddy que era dado como certo fechou com o Macaé.

Lucas Avelinno que há pouco tempo voltou das quadras, devido a ruptura completa do ligamento cruzado anterior (LCA), é muito habilidoso e talentoso. Quarta feira, 16 de tarde já treinou com sua nova equipe, e nem pareceu que esteja voltando de lesão.

Nicolas Gianella é um experiente armador argentino, canhoto, com um certeiro tiro de 3 pontos. Foi campeão da Liga Nacional pelo Estudiantes de Olavarria, na temporada 1999 – 2000. Obteve destaque também na forte equipe de Granada, obtendo médias de até 12,3 pontos. Na última temporada foi destaque da sua equipe, a Union Formosa, com média de 14,5 pontos.

Douglas Nunes é um jogador que pode tanto jogar na posição 3,como 4. Apresenta um bom tiro de longa distancia. Além disso, é muito atlético. Na última temporada foi destaque do Minas, com médias de 12,1 pontos.

Toyloy venho definitivamente para suprir a dispenda do ídolo Tiagão. O ex jogador do Pinheiros é muito forte fisicamente, com uma forte e precisa marcação. Será importante.

Diego que venho de um time fraco, o Goiânia não teve muita visibilidade, apesar de carregar o time, treinou muito bem no treino de quarta feira,16.

O argentino e armador Maxi Stanic só irá voltar para o NBB, independente se o time se classificar para um possível playoffs. Motivo disso é que está na Argentina cuidando das escolas de seus filhos.

Ainda fazem parte do plantel alguns remanescentes da última temporada. São eles o pivô Atila, o ala Fbricio, e ala armador Neto. O time ainda será formado por 5 nomes da base, o ala – pivô Cadu Costa, o ala Italo Cicotti, ex Circulo Militar, o pivozão Douglas Sales e o armador Murilo que é prata da casa e disputa os torneios de base pela seleção brasileira. Egon também deve fazer parte do grupo, mas está representando o Brasil num campeonato afora.

O verdão estreia dia 7 de agosto conta o Bauru, às 20 horas, no ginásio do Palestra Itátia.

 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s